Vagabond

Vagabond (バガボンド, , Bagabondo?) é um mangá japonês criado por Takehiko Inoue, baseado no livro “Musashi”, de Eiji Yoshikawa, que conta a história do samurai Miyamoto Musashi (宮本武蔵, Miyamoto Musashi? 1584–1645).

O mangá começou em 1998 sendo serializado na revista semanal Shūkan Mōningu (週刊モーニング, Shūkan Mōningu?) e é publicado pela Kodansha no Japão. No Brasil é publicado pela Editora Conrad. No Japão, até dezembro de 2007, foram publicados 27 volumes. Vagabond tem vendido mais de 22 milhões de cópias ao redor do mundo. Em novembro de 2006, segundo Takehiko Inoue, o mangá por volta de 1 ano e meio a 2 anos estaria concluído.

Em 2000 Vagabond ganhou o Grande Prêmio do Festival de Artes da Mídia do Japão. O seguinte é um extrato do discurso felicitando a Takehiko Inoue: “Desde Toyotomi a Tokugawa. Musashi Miyamoto cresceu em um período de mudança de grandes eras. O senhor Inoue tem tomado o poderoso Musashi que foi chamado às vezes de uma ‘besta’ e o desenhou como um vagabundo. O artista faz alarde sobre desafiar atrevidamente o trabalho de literatura nacional de Eiji Yoshikawa, incluso, a sensação de velocidade que o cria é impressionante. Eu o envio meus aplausos ao artista por criar uma nova imagem de Musashi.”[1] Nesse mesmo ano, Vagabond ganhou o 24º Prêmio Kodansha de Mangá na categoria geral. Em 2002, Vagabond recebe o aclamado Prêmio Cultural Tezuka Osamu. No ano seguinte, Inoue foi nomeado para o Prêmio Eisner de 2003 na categoria de melhor escritor/artista.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s