Acaso

Ziyi:
*Caminhando rápido pela rua, levando um cesto cheio de roupas e panos coloridos. A rua está cheia de gente, e ela, sem perceber tromba com o cesto no braço de Hanzo* Desculpe-me senhor… *Ela baixa a cabeça e continua a andar apressada, olhando para trás, e para a frente novamente. E nem percebe ter deixado cair um véu*
Hanzo:
*após ser atropelado ele olha para a moça* sem problemas, isso acontece, quer ajuda ai?
Ziyi:
*nem ouve o que foi dito, ela já estava a frente, caminhando rápido a ponto de virar uma esquina e sumir na multidão*
Hanzo:
Ei, menina tu deixou algo cair! *ele grita ao ver ela quase dobrar a esquina*
Ziyi:
*larga o cesto e sai correndo, sem dar ouvidos aos gritos dele*
Hanzo:
que estranho, essa menina deve estar com problemas sério… *pega o véu que que ela deixou cair e logo em seguida vai até onde a cesta caiu apegando e olhando o que tem dentro*
Ziyi:
*dentro da cesta havia além de roupas comuns, uma roupa de soldado*
Hanzo:
Vou guardar, vai que ela vem buscar dai eu entrego!
Ziyi:
*em seguida surgem vários guardas vestindo o mesmo uniforme que ele viu no cesto, com espadas na mãos procurando por alguém. Eles empurram pessoas, chutam as portas das casas entrando e vistoriando tudo*
Hanzo:
ta tu do doido aqui * ele apenas observa os acontecimentos por instantes e depois sai em busca da menina*
Ziyi:
*Um soldado cai de cima do telhado, quase em cima dele. Com um corte sangrando no meio do peito*
Hanzo:
*ele usa de sua velocidade para esquivardo solado que esta a cair e continua e levanta vôo logo em seguida para ver se ver amenina*
Ziyi:
*em cima do telhado ele não vê nada, nenhum rastro além do sangue do soldado e um perfume de mulher no ar*
Hanzo:
*ele vai até um predio alto e fica observando la de cima*
Ziyi:
*mais a frente, ele vê um vulto de mulher entrar por uma janela, num edifício comercial do japao antigo.*
Hanzo:
*imediatamente ele segue para onde viu o vulto e investiga o lugar*
Ziyi:
*O lugar é uma espécie de casa de chá. Existem dois andares, com mesas e cadeiras onde várias pessoas estão tomando saquê.*
Hanzo:
*O ninja anda lentamente em direção as pessoas e perguta* Vcs viram uma garota entrar aqui?
Ziyi:
Garota? Não… *os clientes realmente não viram nada. Uma das atendentes arregala os olhos para o estranho e acaba derrubando a bandeja no chão* Oh, perdão, perdão! Que desastrada eu sou! *E então corre para a parte de dentro, provavelmente a administração. Aparentemente para buscar algo pra limpar a sujeira que ela fez*

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s